Jardim dos Mestres

A Iluminação

Acreditamos que a vida é apenas da forma como percebemos através dos sentidos. Nossa consciência está adormecida. Vemos apenas nossas próprias projeções mentais e acreditamos que elas são a realidade do mundo, das pessoas, das situações, dos objetos.

Nossa percepção de realidade é muito limitada e condicionada. Nossa percepção está presa àquilo que aprendemos com nossos pais, com as outras crianças, na escola, com a televisão.

Vivemos em ilusão, em sonho, fascinados, identificados, condicionados pelos sentidos e pela mente. Vivemos de forma mecânica, fazendo tudo sem perceber que estamos fazendo. Por exemplo, comemos, mas não estamos conscientes de que estamos comendo, não percebemos que estamos comendo. Muitas vezes, enquanto estamos comendo, também estamos pensando em outras coisas, não estamos ali, não estamos presentes, não estamos conscientes, estamos viajando, sonhando.

Consciência é aquilo que percebe. Onde estiver nossa atenção, lá estará nossa consciência. Estar consciente é estar presente.

Iluminação é o despertar da consciência. Existem muitos graus de consciência. Assim, existem também muitos graus de iluminação. Iluminados são os Budas e Mestres.

Cada pequena compreensão é um pequeno despertar de consciência, uma pequena iluminação. Com as práticas espirituais, com auto-observação, meditação, reflexão, gradualmente despertamos a consciência. Um insight profundo pode trazer a iluminação.

Despertar a consciência é perceber a verdade, a realidade livre do subjetivismo e do intelectualismo, é perceber a realidade como ela é. Despertar a consciência é romper com os condicionamentos, é sair da ilusão dos sentidos e da mente. É estar consciente da consciência, é perceber que está percebendo.

Precisamos estar presentes para percebermos o novo de cada instante. A verdade é o novo de cada instante.

Quando crianças, percebíamos nossos brinquedos como a grande realidade daqueles momentos. Quando adultos, percebemos a ilusão que tínhamos quando crianças. Quando temos uma compreensão, percebemos a ilusão em que estávamos envolvidos até então. Para um iluminado somos como crianças.


0   Respostas em A Iluminação

Deixe sua mensagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *